Agora é curtir a pagina do blog

sexta-feira, 9 de setembro de 2016

EDUCAÇÃO: Pará está em 22º lugar em Índice da Educação

O Estado do Pará ocupa o 22º lugar, entre as 27 unidades da federação, no Índice de Desenvolvimento da Educação (Ideb) 2015, divulgado nesta quinta-feira (8) pelo Ministério da Educação (MEC). A educação do Estado não conseguiu alcançar os resultados esperados nos anos finais do Ensino Fundamental e no Ensino Médio, mas conseguiu as metas estipuladas no Ensino Fundamental.
Em 2013, o Pará estava na 26ª colocação do Ideb, penúltimo lugar entre os 27 estados da federação. Em 2015, o Estado subiu quatro colocações, passando para o 22º lugar.

O PARÁ NO IDEB
Em 2015, o Pará cumpriu as metas nos anos iniciais do Ensino Fundamental (1º ao 5º ano), com índice de 4,2. A meta projetada pelo Ministério da Educação era de 4,1.
No entanto, o Estado não cumpriu as metas no Índice dos anos finais do Ensino Fundamental (do 6º ao 9º ano), obtendo nota de 3,2. A média projetada era de 4,4.
O Pará também não cumpriu a meta no Ensino Médio: o Estado obteve média de 3,0 e a meta era de 3,5.
As informações são do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inpe), responsável por divulgar o Ideb, a cada dois anos.


INDICE NO BRASIL
De acordo com o site do Inpe, a meta do Ideb, em 2015, dos anos iniciais do Ensino Fundamental (1º ao 5º) para foi alcançada por 74,7% das redes municipais. Este ano, apenas três estados não alcançaram as metas: Amapá, Rio de Janeiro e Distrito Federal.
Já as metas não foram cumpridas nos anos finais do Ensino Fundamental (6º ao 9º), apesar do índice ter evoluído, passando de 4,2, em 2013; para 4,5, em 2015. Cinco estados superaram a meta: Goiás, Ceará, Mato Grosso, Amazonas e Pernambuco.
No Ensino Médio, a meta do Ideb não foi alcançada e o índice permanece estagnado desde 2011. Nessa categoria, apenas dois estados superaram o esperado: Pernambuco e Amazonas.
As informações são do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inpe).
 
COMO FUNCIONA O IDEB
O Ideb relaciona duas dimensões para realizar o Índice: o desempenho dos estudantes em avaliações de larga escala e a taxa aprovação. O desempenho é calculado a partir da Prova Brasil/Saeb, quando os estudantes do 5º e do 9º ano do Ensino Fundamental e da 3ª série do Ensino médio são avaliados em Leitura e Matemática.
Os dados de aprovação são verificados a partir do Censo Escolar da Educação Básica, realizado anualmente. O Ideb é calculado para escolas e para sistemas de ensino que monitoram o seu desempenho em relação a metas individuais pactuadas com o governo federal.
O índice varia de 0 a 10: quanto maior for o desempenho dos alunos e o número de alunos promovidos, maior será o Ideb.
(DOL)

Nenhum comentário: